Torta – ou sorvete – de Sonho de Valsa.

Eu nunca fiz uma receita de doce. Exceto a receita de sagu que já postei aqui. Mas nem sei se sagu entra na lista de “doces”, desses mais “complexos”.

Aliás, eu nem gosto muito de doce. Meu ratio de posts de salgados x doce deve ser 0.9999.

O fato é: você pode sempre dizer que não gosta de doce, mas sempre tem uma sobremesa em especial que você manda pra dentro e seu discurso de “rejeição” vai por água abaixo.

Esta receita em especial entra nesse meu problema. Não sou chegado em doce, mas sempre que encontro essa sobremesa o meu lado ogro fala mais alto.

E existe época melhor pra fazer sobremesa que contém chocolate depois da páscoa? Fica o questionamento: o que fazer com as sobras de chocolate da páscoa? O que fazer com esse saco de Sonho de Valsa que sobrou?

Mas essa receita tem um problema: ela é torta ou sorvete? Não sei! Deixo a critério de vocês. Pelo meu método, eu julgo como um sorvete.

Eu tenho um certo problema com doces pelo simples fato de que tudo tem que ser na medida certa, tempo certo e jeito certo. Não gosto dessas coisas metódicas.

Mas então, como fazer uma torta de Sonho de Valsa? A receita é simples;

Ingredientes;

  • 3 ovos
  • 1 lata de creme de leite
  • 1 lata de leite condensado
  • Leite (a mesma medida de leite condensado)
  • 10 bombons de Sonho de Valsa
  • 6 colheres de açúcar
  • 5 colheres de Nescau
  • 1 colher de Maizena
  • Mais da metade de um copo d’água (ou leite)

Modo de preparo;

Creme (fundo)

Em uma panela, coloque o leite condensado, a mesma medida para leite, 3 gemas e a maizena. Misture bem, até ficar cremoso. Tipo um mingau. Em seguida coloque no refratário para montagem.

Vale lembrar a dica: peneire as gemas antes de colocar na panela.

“Recheio”

Pique os 10 bombons e espalhe sobre a mistura anterior. No copo d’água, bata as 5 colheres de Nescau. Em seguida jogue sobre os bombons.

Creme

Em uma batedeira, bata as 3 claras em neves. Depois coloque o açúcar. Por último, o creme de leite sem soro.

Aqui, vale lembrar, precisa obter o ponto certo de consistência e cremosidade. Uma verdadeira “espuma”. Não bata muito para não passar do ponto.

Espalhe esse creme sobre os bombons picados. Depois decore com mais alguns bombons.

Leve para o congelador por umas horas, até congelar. E tire uns minutos antes de servir.

 

Umas considerações que podem ser válidas: como visto, o creme da cobertura não ficou no ponto, apesar de ter ficado bom. Não sei se isso se deve ao fato da temperatura do creme de leite, do soro ou do tempo que ficou na batedeira. E, como dito anteriormente, peneirar as gemas para que a película não se misture.

Se alguém tiver alguma dica pra acrescentar, ou quiser tentar com outros chocolates, fique à vontade :)

Compartilhe no Facebook

Tags: , , , , , , , ,

Autor:Everton Veber

Gosto de comer bem, independente do prato e local. Pra mim, toda hora é hora de um bom hamburguer.

Subscribe

Assine os feeds, receba por e-mail e nos acompanhe no Twitter e Facebook!

Faça um comentário