Notícias

Beiramar Shopping: Vitrine do Caminho Cervejeiro da Grande Florianópolis

De 19 a 31 de agosto o Beiramar Shopping estará na rota dos apreciadores de cerveja artesanal. É que em conjunto com o SEBRAE/SC, AMPE Metropolitana, Caminho Cervejeiro e a União Cervejeira, o shopping realiza a primeira edição da Vitrine do Caminho Cervejeiro da Grande Florianópolis. O evento reunirá oito cervejarias locais com o objetivo de divulgar a rota turística e as cervejarias da região. Será realizada a comercialização dos produtos, bem como degustações guiadas e workshops cervejeiros.

Desde 2016 o SEBRAE/SC, em parceria com a AMPE Metropolitana e com a União Cervejeira da Grande Florianópolis, promove ações para elevar a competitividade e a sustentabilidade dos pequenos negócios da cadeia de valor do turismo, com foco nas microcervejarias. Entre as ações desenvolvidas, destaque para a criação e divulgação do Caminho Cervejeiro da Grande Florianópolis, rota turística que percorre 10 cervejarias da região, desde Tijucas até Rancho Queimado. Para que o público conheça melhor essa rota e a produção cervejeira da região, o SEBRAE/SC e as entidades parceiras promovem a Vitrine do Caminho Cervejeiro da Grande Florianópolis. “O grande objetivo desse evento é fazer a divulgação institucional dessa rota Turística. Par isso, montamos um espaço em que serão apresentadas as cervejarias e seus rótulos. Além disso, o público poderá degustar os chopes e participar de palestras, que serão ministradas pelo Science of Beer Institute e irão abordar temas relacionados às cervejas artesanais e especiais. Com esse evento, pretendemos valorizar a Grande Florianópolis como um polo com alta qualidade em cervejas artesanais”, explica Soraya Tonelli – Coordenadora Regional do SEBRAE da Grande Florianópolis. A participação do público é gratuita.

Serão mais de 40 rótulos a disposição do público, dentre eles muitos premiados nacional e internacionalmente, com valores a partir de R$8. “Os visitantes poderão conhecer e adquirir em um só local as cervejas premiadas produzidas na região”, comenta Renildo Nunes, presidente da União Cervejeira, associação que reúne os produtores de cerveja da região. Segundo a FAMPESC, estima-se que o consumo de cerveja artesanal na região já corresponda a 20%.

Para Alcides Andrade, presidente do Grupo de Trabalho sobre Turismo Cervejeiro em Santa Catarina, o fomento de rotas turísticas com ênfase nas microcervejarias atrai visitantes com alto poder aquisitivo, qualificando o turismo na região.

Entre as ações que já foram realizadas com as cervejarias participantes do projeto, destaque para o diagnóstico empresarial, planejamento estratégico, desenvolvimento da rota turística, missão empresarial, ações de acesso a mercado com participação em eventos de turismo, capacitações e consultorias, e ações de promoção institucional do Caminho Cervejeiro da região.

Segundo Piter Santana, presidente da AMPE Metropolitana, a Grande Florianópolis produz cervejas de alta qualidade, e a promoção dos produtos locais desenvolve a região com geração de empregos e distribuição de renda.

  • Cervejarias participantes do evento:
  • Cervejaria Bayer Bier – Florianópolis
  • Cervejaria da Ilha – Florianópolis
  • Cervejaria Faixa Preta – Santo Amaro da Imperatriz
  • Cervejaria Kairós – Florianópolis
  • Cervejaria Siriú – Garopaba
  • Cervejaria Sunset Brew – Tijucas
  • Cervejaria Unika – Rancho Queimado
  • Cervejaria Weinmann – São José

“As parcerias estratégicas para o evento consolidam a importância e seriedade do grupo de empresas que buscam coletivamente  fortalecer  a  cadeia  de  valor  das  cervejas artesanais no destino da Grande Florianópolis”, finaliza Soraya.

Sobre as palestras e degustações

Todas as palestras e degustações serão coordenadas pelo Science of Beer Institute e realizadas diariamente às 19h.

Confira o calendário com a temática e estilo de degustação:

19/08 – Apresentação da programação Science of Beer e cervejarias da região

Coordenação: Lívia de Liz – Science of Beer Institute

20/08 – Cerveja artesanal

21/08 – Cerveja vista como negócio

Conversa com o público sobre os desafios de empreender atualmente no país. Meios burocráticos, tendências, desafios e tomadas de decisão. Bate papo entre os cervejeiros e público.

22/08 – Degustação Guiada (Escola Americana, Belga, Alemã e Inglesa)

Coordenação: Pedro Savas – Science of Beer Institute

23/08 – Degustação Guiada (Escola Americana, Belga, Alemã e Inglesa)

Coordenação: Daniel Moro – Science of Beer Institute

24/08 – Degustação Guiada (Escola Americana, Belga, Alemã e Inglesa)

Coordenação: Daniel Moro – Science of Beer Institute

25/08 – Técnicas de degustação

Conversa com o público, explicando algumas técnicas de degustação, sabores básicos, análise sensorial, finalizando com degustação das cervejas expostas.

Coordenação: Rudy Fávero – Science of Beer Institute

26/08 – Profissão Sommelier de Cervejas

Conversa com o público sobre a profissão Sommelier de Cervejas, principais campos de atuação, desafios de formação e tendências de mercado.

Coordenação: Science of Beer Institute

27/08 – É possível fazer cerveja em casa?

Apresentação de matérias primas, equipamentos básicos e desafios para fabricar cerveja em casa.

Coordenação: Marcelo Guaragna – Science of Beer Institute

28/08 – História da Cerveja e suas escolas

História da cerveja e sua evolução, escolas cervejeiras e influências atuais.

Coordenação: Leonardo Duarte – Science of Beer Institute

29/08 – Cerveja vista como negócio

Conversa com o público sobre os desafios de empreender atualmente no país. Meios burocráticos, tendências, desafios e tomadas de decisão.

Coordenação: Pedro Savas – Science of Beer Institute

30/08 – É possível fazer cerveja em casa?

Apresentação de matérias primas, equipamentos básicos e desafios para fabricar cerveja em casa.

Coordenação: Leonardo Duarte – Science of Beer Institute

31/08 – Profissão Sommelier de Cervejas

Conversa com o público sobre a profissão Sommelier de Cervejas, principais campos de atuação, desafios de formação, tendências de mercado.

Coordenação: Amanda Reitenbach – Science of Beer Institute

Nenhum comentário

Comente